Buscar
  • Prêmio Book Brasil

Entrevista com Vitória Moreira: Vencedora na categoria "Romance de Entretenimento 2020".


Vitória Moreira foi a vencedora na categoria "Romance de entretenimento" do II Prêmio Book Brasil com o livro "A ladra de corações". A autora natalense que reside no Rio de Janeiro desde a adolescência, escreve desde os treze anos de idade e em 2014 lançou seu primeiro romance "Sou lésbica sim" e logo após surgiram outros títulos como: "O herdeiro da máfia" e "De quem é a culpa". É amante de livros e cinema.


Você escreve desde a adolescência. Conta pra gente o que foi primordial para que decidisse finalmente publicar. Em que momento deixou de ser anônima para mostrar o seu trabalho ao público?


Vitória: Sempre gostei de escrever, na adolescência preferia escrever a ficar falando de coisas de adolescentes (não me interessava ficar falando de namoradinhos com as amigas). Em 2014, publiquei meu primeiro livro: Sou Lésbica Sim. Achei que que já era o momento de mostrar para outras pessoas minhas ideias.



Por que escolheu o Romance como forma literária de escrita? Pretende publicar em outros gêneros ou formatos?


Vitória: Porque tenho facilidade para escrever e me encanta criar e falar de "amor". Estou escrevendo um projeto novo. Algo diferente e bem difícil de escrever! Ainda em desenvolvimento.



Quais os maiores desafios enfrentados como escritora brasileira? E como tenta superá-los?


Vitória: A falta de espaço ao escritor brasileiro. A educação no Brasil é lamentavelmente triste. Temos excelentes professores, porém, não são valorizados. Não temos investimentos na educação. Os jovens não se interessam tanto pelos os livros. A falta de apoio das editoras. Falta empenho. Tenho usado minha rede social para divulgação.

Você foi a vencedora na segunda edição do Prêmio Book Brasil na categoria Romance de entretenimento passando por dois júris: o técnico e o popular. Como se sente em relação a isso? O que você acha que foi um diferencial na sua escrita?


Vitória: Sinto-me orgulhosa e feliz! Saber que fui escolhida entre diversos lindos trabalhos e ser julgada por júris técnicos é gratificante. Minha escrita é objetiva e envolvente.

Quais são suas inspirações na literatura e na arte em geral?


Vitória: Sidney Sheldon, Zíbia Gasparetto, Machado de Assis, Clarice Lispector, Guimarães Rosa, entre tantos outros

Na infância, alguém te incentivou às práticas literárias ou você iniciou por conta própria?


Vitória: Meu avô paterno escrevia versos e poesias e sempre que ia lá na fazenda ele fazia um sarau.



O que deixa de recado para quem deseja iniciar uma carreira literária?

Vitória: Não desista dos sonhos. Se informar e pesquisar sobre qualquer tudo que for escrever.


Instagram: @escritora.vitoria.moreira

Facebook: https://m.facebook.com/Bradycapplly/?locale2=pt_BR



Por Marcos de Sá

160 visualizações13 comentários